domingo, 27 de outubro de 2013

AS VIRTUDES DA IGREJA PRIMITIVA


O Salvador nasceu
O Grande Libertador de Israel foi sacrificado para que todos sejam salvos
Ele foi pregado numa cruz
O seu sangue inocente foi derramado
Para que o seu povo fosse resgatado
Todos os homens que o seguirem herdarão o Céu
Os seus seguidores eram muitos
Eles eram inúmeros como as estrelas do céu e como os grãos de areia do mar
Quanto mais os cristãos eram perseguidos mais eles se tornavam numerosos
A sua maior arma era a fé
Leões e tigres os destroçavam
Chamas os consumiam
Espadas os decapitavam
Os santos de Deus eram crucificados e queimados vivos para iluminar as ruas de Roma
Os pagãos se impressionavam com a coragem dos cristãos diante do terror da morte
Os cristãos não tinham medo de morrer
Eles resistiam às torturas
Os servos de Deus estavam dispostos a encarar tudo por amor a Cristo
Os cristãos amavam a Deus acima de todas as coisas
Até acima de suas próprias vidas
Os legionários romanos, treinados na arte da guerra, perseguiam pessoas simples que não representavam ameaça nenhuma para o Império Romano.
Os cristãos sofriam com torturas inimagináveis
Eles eram torturados e assassinados sem piedade
Muitos oficiais romanos que se converteram foram martirizados
Esses verdadeiros soldados de Cristo foram torturados e mortos, porque se recusaram a continuar cultuando o imperador e sacrificando aos deuses.
A pena para a recusa do culto imperial e dos sacrifícios aos deuses era a morte.
Os cristãos tinham um estilo comunitário de vida
Eles dividiam tudo o que tinham entre si
A Igreja Primitiva conseguiu fazer o que o Comunismo não conseguiu
O Cristianismo Primitivo era puro e alvo como a neve
Mas por causa das perseguições ele se tornou vermelho como o sangue
Os cristãos foram punidos por crimes que não cometeram
Mas os seus perseguidores foram severamente castigados
Um anjo feriu Herodes e o matou
Nero se suicidou e agora queima no Fogo Eterno
Todos os reis e imperadores que perseguiram os cristãos tiveram fins trágicos
O Exército que, antes, perseguia o Cristianismo, agora, o defendia.
Deus vingou o seu povo
O Império Romano caiu
Roma foi destruída
Os bárbaros castigaram os romanos por séculos de crueldade
Os perseguidores foram punidos por causa da sua maldade
A perseguição não destruiu a Igreja, mas apenas a fortaleceu.
Os cristãos voltaram a ter liberdade
O amor venceu e a justiça prevaleceu.

Nenhum comentário: