domingo, 26 de abril de 2015

A DESTRUIÇÃO DO TEMPLO


O primeiro Templo foi destruído pelos babilônios
Pelo grande rei Nabucodonosor
Na época em que a Arca da Aliança foi vista pela última vez
Jerusalém foi cercada e sitiada
O castigo divino veio sobre Judá
O profeta Jeremias e outros profetas alertaram o povo sobre isso
O povo de Deus não quis ouvi-los
O juízo de Deus já tinha vindo contra Israel
Por meio dos assírios
A Assíria, a nação banhada em sangue.
Depois dos setenta anos do cativeiro babilônico
Os judeus voltaram para a sua terra
E com a ajuda dos medos e dos persas começaram a reconstruir o Templo
Tempos depois, um inimigo de Deus, Antíoco Epifânio, sacrificou uma porca no altar do Templo, e colocou uma imagem de Zeus no Local Sagrado, para poder ofender os hebreus e o seu Deus. Essa foi uma afronta inimaginável.
Quando Roma dominava sobre a Terra
No começo do Império Romano
Quando Cristo nasceu
O profeta Daniel já havia profetizado sobre isso
Jesus confirmou a sua profecia
De que o Templo novamente seria destruído
No ano 66, começou a grande guerra.
A grande Revolta Judaica
Os zelotes se rebelaram contra os romanos
Jesus Cristo e os apóstolos nunca apoiaram os zelotes
Pelo contrário, eles sempre ensinaram a submissão às autoridades.
No ano 70, o general Tito,
O abominável da desolação,
Destruiu o Templo Sagrado,
O Templo do povo judeu.
Mas Jesus e os apóstolos
Ensinaram que os cristãos são o Templo do Espírito Santo
E de que o Templo de Jerusalém não era mais necessário
Jesus Cristo era um rabino
Os apóstolos também eram judeus
Mas, mesmo assim, o julgamento de Deus veio contra Israel.
Jerusalém foi castigada por matar os profetas no passado
Por não aceitarem o Messias
E por não darem ouvidos a Deus
Por amarem mais as doutrinas que são preceitos dos homens do que os Mandamentos Sagrados de Deus
O fermento dos fariseus, a hipocrisia, corrompeu o povo de Deus.
Mas, agora, vivemos em uma Nova Aliança, a Graça de Jesus Cristo, o Filho de Deus.

Nenhum comentário: