segunda-feira, 28 de maio de 2018

CONSTRUÇÕES IDEOLÓGICAS (OS ALICERCES DIABÓLICOS DO CRISTIANISMO)


“Hipócritas, bem profetizou Isaías a vosso respeito, dizendo: Este povo honra-me com os seus lábios, mas o seu coração está longe de mim. Mas em vão me adoram, ensinando doutrinas que são preceitos dos homens”. (Mateus 15:7-9)

Há mais de dois mil anos, o legalismo, o fanatismo e o fundamentalismo religioso se tornaram nos principais alicerces do Cristianismo. As quatro principais seitas do Judaísmo na época de Jesus (fariseus, saduceus, herodianos e essênios) não eram muito diferentes dos religiosos legalistas e fanáticos de hoje (na verdade, os cristãos conseguem ser piores). “Amor” virou sinônimo de omissão e de conformismo. “Paz” virou um termo banalizado e sem sentido. “Misericórdia” somente quando é conveniente, porque os “pecadores” tem que queimar no Inferno. “Não julgueis” virou sinônimo de conivência com o pecado. “A Letra Mata” virou desculpa para justificar a preguiça de ler a Bíblia. “Jejum” virou sinônimo de greve de fome para poder chantagear e barganhar com Deus. “Honrar os pais” é sempre no contexto da opressão. “Submissão ao marido” é sempre no contexto da opressão. “Respeitar os mais velhos” é sempre no contexto da opressão. Esses hipócritas, falsos, porcos, cães, covardes, tolos, idiotas e imbecis ainda não entenderam (ou não querem entender mesmo) que o sentido bíblico de liderança sempre foi servir, e nunca subjugar e oprimir. Uma mentira religiosa tem muito poder. Esse “telefone sem fio” infernal tem desgraçado a Igreja. Quando uma mentira é dita mil vezes, ela se torna numa “verdade”. Assim, se constrói uma construção ideológica. A Bíblia, a Palavra de Deus, ensina que os jovens são fortes e ousados, e não inúteis e descartáveis. A Bíblia, a Palavra de Deus, valoriza a mulher, e ensina que os homens devem honrá-las e protegê-las, e não espancá-las e estuprá-las (em Nome de Deus). A Bíblia, a Palavra de Deus, ensina que os pais devem cuidar de seus filhos e protegê-los, ou seja, os pais devem respeitar e honrar a sua prole. Uma geração que é incapaz de honrar e respeitar a sua mulher e seus filhos é incapaz de honrar e respeitar a Deus. O Pacifismo (Romanos 13:1-7), (1 Pedro 2:13-17) e (Lucas 3:14) e a satanização da sexualidade e do sexo (Cantares – Cântico dos Cânticos) não são ensinamentos bíblicos (são coisas do Diabo mesmo). A Bíblia (o Novo Testamento) nunca, jamais, ensinou que o serviço militar, a defesa pessoal, a legítima defesa, que a sexualidade e o sexo são coisas do Satanás (esses ensinamentos, que são diabólicos e demoníacos, são construções ideológicas construídas por Satanás, o Diabo, para poder desgraçar a Igreja e para pregar a omissão, a conivência e o conformismo diante do mal). Satanás, o Diabo, não é conhecido como o “Tinhoso”, porque é bobo, tolo, burro, ignorante e ingênuo. Esse cara não é conhecido como o “olho que tudo vê”, porque é cego e não sabe de nada. Satanás, o Diabo, além de ser músico, também era um líder militar (esse cara entende de estratégia). Se uma psicóloga comportamental e um sargento do Exército são espertos e sabem das coisas (não tem como eu tapeá-los), vocês, pensam mesmo, que vocês, crentes, conseguem enganar a Deus e o Diabo. Deus formou o olho, formou o ouvido e dá o conhecimento para os homens (Deus não é cego, não é surdo e nem burro). Não insultem a inteligência de Deus e nem menosprezem e subestimem o Diabo. Quando, vocês religiosos, vem com a farinha, Deus e o Diabo já vieram com o bolo. Vocês pensam que fazem Deus e o Diabo de idiotas, quando na verdade, os idiotas são vocês. O Diabo é o Pai da Mentira e o Enganador. Por favor, parem com esses seus bordões e chavões ridículos, tomem vergonha nessa cara, e vão estudar a Bíblia. Enquanto, vocês brincam de ser “crentes” e somente se importam em “bater cartão” na Igreja, o Diabo está destruindo vidas, famílias, casamentos, relacionamentos, Satanás está matando pessoas. (Filipe Levi)

Nenhum comentário: